Ego Meu, Ego Meu, existe alguém mais importante do que Eu?

Jul 20, 2016

Como-identificar-um-narcisista1.jpg

 

Um ego grande ocupa muito espaço e faz demasiado barulho. Pessoas egocêntricas veem o mundo centrado nelas, tudo gira à sua volta e nada para além delas lhes interessa.

O interessante é que muitas dessas pessoas não se apercebem do que fazem e do quão espaçoso e ruidoso é o seu ego. Acreditam muitas vezes que levam uma vida de dedicação aos outros, que promovem causas nobres, que são atenciosas e respeitadoras, e só não entendem porque é que os outros são tão maus para elas. Curioso, não é? Será que o comportamento dos outros é um mero reflexo daquilo que somos e da forma como nos comportamos? Não será que a vida nos retribui tudo aquilo que lhe damos?

Pessoas egocentradas não conseguem entender estas perguntas e de forma impulsiva acabam sempre num mau hábito – encontrar desculpas e mais desculpas mas com atribuição de culpas, aos outros está claro!

Numa família, os grandes egos têm o poder de causar conflitos e destruir a harmonia. O espaço que eles ocupam acaba por ser roubado à estabilidade e felicidade familiares – um grande ego nunca é bom para a família!

Assumir a responsabilidade pelas suas próprias vidas e pelos resultados que obtêm, nunca faz parte da conduta de uma pessoa com grande ego. Mas se queremos ser mais felizes, e fazer mais felizes os outros, libertar-nos do nosso ego é CONDIÇÃO IMPERATIVA!

Einstein dizia que ‘o valor do homem é determinado, em primeira linha, pelo grau e pelo sentido em que se libertou do seu ego.’

 



Categoria: Nós & a Família

Ana Raquel Veloso

user_avatar

Licenciada Comunicação
Pratictioner Program. Neurolinguística
Pós-Graduada Neuropsicologia Clínica


Por favor adicione um comentário

Deixe uma resposta



(O seu email não será exibido publicamente.)


Código Captcha

Clique na imagem para ver outro captcha.